Keblinger

Keblinger
O sucesso Titanic volta a ser exibido nos cinemas, agora em 3D. Confira as salas e horários!

4 de fev de 2013

Lincoln

O Presidente Abraham Lincoln sempre foi um dos grandes presidentes americanos a ser lembrado, e um filme sobre um dos seus grandes feitos, a emancipação dos negros em meio a Guerra Civil Americana, estava prestes a acontecer. Na verdade este projeto está há anos nas mãos de Steven Spielberg, que por vezes chegou a anuncia-lo, mas sempre acontecia algo que impedia o projeto de ir para frente. Uma das coisas que atrasou o filme nesta ultima tentativa foi a perda do protagonista, que originalmente seria Liam Neeson. O mesmo foi substituído por Daniel Day-Lewis, o monstro de Hollywood (chamo-o de monstro, pois a capacidade de atuação de Lewis beira a perfeição e aqui não é diferente, o que pode lhe render seu 3º Oscar).


Apesar de mostrar a questão da emancipação dos negros em plena Guerra Civil, “Lincoln” não possui traços de guerra em suas mais de 2 horas e meia de filme, mas sim de drama, muito drama, e este é um ponto que pode desgostar a muitos espectadores, assim como aconteceu no último filme de Spielberg, “Cavalo de Guerra” (que apesar de ter mais cenas de guerra, foi muito chato). Eu, particularmente, não achei o filme cansativo, pelo contrário, achei muito bom, muito bem dirigido por Spielberg, que se preocupou em filmar de ângulos diferentes cada cena, captando particularidades de Lincoln que engrandeciam ainda mais sua figura, sem falar no resto.

O elenco também é espetacular e este foi outro ponto positivo do filme, pois um filme longo, dramático, que se segura nos diálogos para chegar onde pretende, precisa de um ótimo elenco, e Spielberg conseguiu isso ao trazer nomes como Tommy Lee Jones (excelente no papel e com indicação ao Oscar mais que merecida, inclusive pode até vencer), Sally Field (de quem particularmente eu não gosto muito, mas está ótima no filme), David Strathairn, Jared Harris, Lee Pace, entre outros.

“Lincoln” é um filme de americanos, para americanos, típico filme histórico que enche os olhos dos patriotas e principalmente dos velhinhos da academia, e não é a toa que é o filme com maior número de indicações. Até alguns meses atrás era o franco favorito (até eu achava isso, achava...) a levar o Oscar, mas diferentemente do ex Presidente, este “Lincoln” aqui não deve ser lembrado futuramente por grandes feitos não – apesar  de ter sido um excelente trabalho de todos os envolvidos – mas sim apenas mais um filme histórico que levou várias indicações ao Oscar.

Direção - Steven Spielberg
Roteiro - Tony Kushner
Duração - 150 min
Gênero - Drama
Nome Original - Lincoln
Pais - EUA
Ano - 2012

0 comentários: